Tradicional festa da Boa Morte, no recôncavo baiano, retorna após dois anos


Foto: Divulgação/Governo da Bahia

Depois de dois anos suspensa devido à pandemia, a tradicional festa da Boa Morte volta a ser realizada em Cachoeira, cidade do recôncavo baiano. Neste domingo (14), acontece a missa de corpo presente de Nossa senhora na capela de Nossa Senhora da Boa Morte, às 19 horas. 

Na cerimônia de domingo, as “irmãs falecidas” saem da primeira sede da Irmandade da Nossa Senhora da Boa Morte, a Casa da Estrela, carregando velas e vestidas como manda a tradição: saia preta plissada e blusa branca de manga, lenço branco na cintura e uma chinela branca. 

Irmandade da Boa Morte
Foto: Lucas Mascarenhas

Após a missa, será realizada a procissão da “dormição” de Maria, um enterro de Nossa Senhora da Boa Morte pelas ruas da cidade. 

A festa começou no sábado (13) e permanecerá até quarta-feira (17). Considerada Patrimônio Imaterial da Bahia desde 2010, a tradição já acontece há mais 200 anos. 

A Irmandade da Nossa Senhora da Boa Morte é uma confraria religiosa afro-católica que originalmente foi responsável pela alforria de inúmeros escravos. Atualmente, a Irmandade desempenha um papel social ligado à educação e mantém a tradição viva. 

Programação: 

15 de agosto, segunda-feira, dia de Assunção de Nossa Senhora 
5h – Alvorada com fogos de artifício 
10h – Solene Missa da Assunção de Nossa Senhora na igreja matriz de Nossa Senhora do Rosário. 
11h – Procissão festiva em homenagem à Nossa Senhora da Glória 
12h – Valsa e samba de roda no Largo D’ajuda 
13h – Almoço das irmãs, convidados e pessoas da comunidade na sede da irmandade 
16h – Samba de roda no largo d’ajuda 

16 de agosto, terça-feira 
18h – samba de roda no Largo d”Ajuda e oferecimento de cozido. O ato de dar comida representa abundância e prosperidade. 

17 de agosto, quarta-feira 
18h – samba de roda e oferecimento de caruru. A irmãs entregam às águas, em forma de presente, flores perfumadas, renovando, assim, compromisso com a continuidade da vida. 

Leia mais sobre Bahia em iBahia.com e siga o Portal no Google Notícias.