Entenda

Vereador muda data de votação e disputa reeleição sozinho

Prazo para concorrer à presidência da câmara de São Gonçalo dos Campos, na Bahia, só terminaria em setembro, mas Josué Oliveira antecipou a eleição para o dia 18 de março

Redação iBahia
25/02/2022 às 11h13

2 min de leitura

Foto: Reprodução / TV Bahia

O vereador e presidente da câmara de São Gonçalo dos Campos, Josué Oliveira, do PP, mudou a data da votação para eleger o novo presidente da casa e por isso vai disputar o quarto mandato sozinho. Outros vereadores, que também iriam concorrer ao cargo, afirmam que não foram avisados da alteração.

O prazo para concorrer à presidência da câmara só terminaria em setembro, mas Josué Oliveira antecipou a eleição para o dia 18 de março. Com isso, as inscrições foram encerradas no final da tarde de quinta-feira (24) e apenas a chapa de Josué, que já está no terceiro mandato como presidente da câmara, está inscrita. O vereador argumenta que a lei garante o adiantamento.

Segundo Josué, foi preciso adiantar o pleito porque a votação local coincidiria com as eleições presidenciais. Ele afirma que não pretende voltar atrás da decisão, que foi publicada em Diário Oficial.

“Já foram feitos os trâmites legais e a gente vai dar continuidade. Não tem como voltar atrás. Inclusive, aqui no dia da inscrição, tinham sete vereadores aqui na câmara. Eles tinham até 48 horas para reclamar, para impugnar o edital. Foi feito todo o trâmite”, argumentou.

Quatro vereadores que queriam concorrer ao cargo argumentam que  não foi feita nenhuma publicação para divulgação do documento e pedem o cancelamento do ato.

“Agora a gente, montando a nossa chapa, fomos pegos de surpresa dessa forma. Fiquei muito triste. Eu não entendi o porquê do presidente ter tomado essa decisão totalmente ‘descomportada’”, lamentou o vereador Joilton Batista, do mesmo partido que Josué.

Leia mais sobre a Bahia no iBahia.com.