Brasil

Adolescente confessa que decapitou vizinha após ser difamado

O menor explicou que a vizinha o chamou de 'vagabundo' e 'ladrão'

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Na última quarta-feira (9), um jovem foi preso suspeito de ter assassinado a vizinha de 45 anos. De acordo com informações do G1 Mato Grosso, a mulher foi decapitada enquanto dormia e o adolescente confessou o crime. O caso aconteceu no dia 6 de outubro, em Juara, no Mato Grosso. O nome do rapaz não foi divulgado.

O jovem contou que cometeu o crime porque se sentiu injuriado por Fátima Pupo Camargo. Segundo informações da polícia civil ao G1 MT, ele entrou na casa da vizinha durante a madrugada e a golpeou com uma faca enquanto ela dormia. Ao ver a Fátima agonizando, o adolescente teria aplicado um golpe na região da garganta, decepando a sua cabeça.

Ainda de acordo com o G1 Mato Grosso, o menor, além de confessar o crime, contou detalhes da ação e da motivação dos fatos para o delegado Carlos Henrique Engelmann. Ele explicou que a vizinha o chamou de 'vagabundo' e 'ladrão'.



O inquérito policial será convertido em procedimento especial de apuração de ato infracional e assim que concluído será encaminhado ao judiciário e à promotoria cívil da cidade.