Presidente do Comcar defende Carnaval de 2024 na Barra: ‘Só dá para falar em mudança com garantia de espaço melhor’


Foto: Alfredo Filho/ Secom

Confirmado em meados de agosto, o Circuito Dodô segue incluso no Carnaval de 2023 e promete levar multidões de pessoas para a folia baiana na Barra-Ondina.

Sem um posicionamento definido, o Conselho do Carnaval de Salvador (COMCAR) ainda analisa a proposta de adição de um circuito no bairro da Boca do Rio. Caso seja confirmado, os grandes trios elétrico migrariam para o bairro e apenas blocos menores continuariam na Barra-Ondina.

Em entrevista ao iBahia, durante evento de lançamento do Camarote Club, Joaquim Nery, presidente do COMCAR, revelou que o projeto deve continuar apenas nos papéis no ano de 2024, por conta da infraestrutura da orla da capital baiana.

“Olha, o foco principal agora é fazer um carnaval de 2023, o melhor possível e o melhor talvez da vida do carnaval de Salvador. Esse é o objetivo nosso principal tá com relação a mudança no futuro, a gente acha que tudo depende muito do andamento da obra de requalificação da orla de Salvador”, iniciou.

Foto: Bianca Andrade/iBahia

“Só dá para falar em mudar o Carnaval quando você tiver uma garantia de um espaço melhor do que o que a gente tem hoje. E isso a gente só vai ter essa garantia quando a obra tiver concluído então a gente hoje avalia que talvez ainda em 2024, a gente tenha carnaval na Barra”, completou.

O projeto para a criação de um novo circuito foi apresentado e segue em análise, apesar da edição de 2023 estar assegurada com o Circuito Dodô.

“Existem vantagens, mas a gente precisa ter a garantia de um espaço bacana, ele precisa ter momentos de emoção e momentos de paixão”, explicou o presidente do COMCAR.

“Na barra, a gente sabe que tem e sabe onde é, então o Farol da Barra é um momento de emoção quando o artista começa a tocar. No Farol da Barra o público inteiro ali se emociona, né? Você vai ali em frente ao ao Morro do Cristo é um momento de emoção, quando você chega em Ondina um momento de emoção”, disse.

“No novo circuito, a gente tem que encontrar esses momentos de emoção pra ter uma garantia de um carnaval”, finalizou.

Leia mais sobre Carnaval no ibahia.com e siga o portal no Google Notícias