“A vinda na Bahia foi pra isso"

Lázaro Ramos vem à Bahia de surpresa e revela motivo de visita para Wanda Chase; veja qual

E mais: detalhes do disco de Moa do Katendê, musicalidade no show de Ângela Velloso, e gastronomia de Jorge Washington em festival de Cairu

Wanda Chase
21/07/2022 às 10h38

4 min de leitura
Foto: Divulgação

No último final de semana, Lázaro Ramos – Lazinho para os mais íntimos -, o primo dele, Elísio Lopes Júnior, e o amigo Wagner Moura, estiveram hospedados na Pousada da Preta, localizada na Ilha dos Frades, na Bahia. O ator, diretor, roteirista e – “pirracento“(rs) – me falou que veio visitar a irmã, a produtora cultural, Viviane Ramos, porque ela está grávida.

Detalhe: o ator está ainda mais feliz por um motivo muito especial. Lazinho foi escolhido para ser padrinho do bebê. Que venha com saúde! Agora, um pause: Não sei não, mas a minha intuição diz que também rolou reunião de trabalho. Quando esses três se juntam…vem coisa boa por aí!      

DISCO PARA MOA DO KATENDÊ

As produtoras paulistas Mandril Áudio e Kana Filmes, vão lançar um disco com 14 composições do capoeirista, cantor e compositor Moa do Katendê, criador do Afoxé Badauê. Ele foi assassinado a facadas no dia 8 de outubro de 2018 por motivos políticos. As canções do disco foram gravadas pelo rapper Emicida, Criolo, e os cantores Chico Cézar, Kimoni, Edgar, Rincon Sapiência, Fabiana Cozza, GOG, além dos baianos Letieres Leite (que faleceu ano passado) Matheus Aleluia Filho, Lazzo Matumbi, Luedji Luna e BaianaSystem. O primeiro lançamento vai ser no dia 5 de agosto, é o single “Festa de Magia“ com Luedji Luna em todas as plataformas digitais. 

Foto: Divulgação

 ÂNGELA VELLOSO NO PELÔ 

A cantora Ângela Velloso, de 24 anos, faz show neste sábado, dia 23, no Teatro do SESC / SENAC Pelourinho. Aliás, um excelente espaço e pouco conhecido pelos baianos. O show de Ângela é inédito, intitulado ‘Manakin’. A artista, que cursa Música Popular Brasileira na Universidade Federal da Bahia (UFBA), fez intercâmbio em Jazz e Música Popular na Alemanha. A apresentação, bem intimista, acontece em parceria com o pai, o músico e compositor Duarte Velloso. A canção que dá nome ao espetáculo foi composta por Duarte e João Dude. O show é sábado, às 20h. Ângela canta muito!!!

BATUQUE NA COZINHA      

O afrochef Jorge Washington, um dos fundadores do Bando de Teatro Olodum e criador do movimento Culinária Musical, vai participar do evento ‘Batuque na Cozinha’, no povoado de Gamboa, na Ilha de Tinharé. O ‘Batuque na Cozinha’ é uma iniciativa de mulheres da comunidade para trazer mais visibilidade ao local, um dos mais bonitos do arquipélago do município de Cairu. Nosso afrochef vai arrasar com seu tempero e simpatia. 

I’AM AFRO FASHION  

Traduzindo: eu sou moda afro. Este evento, promete bombar na Casa Pia de São Joaquim, Cidade Baixa. O estilista Jonas Bueno da Focus Modas é o idealizador do projeto, que nasceu há oito anos, no Subúrbio de Salvador. Desfilarão 150 modelos negros, com looks pensados e construídos com material reciclável. Anote aí na sua agenda, é sábado, 23 de julho, a partir das 15h. Moda afro na veia!!!

Foto: Alberto Luciano

NÃO É NÃO                  

Para que fique bem claro, ao contrário do que diz a nota oficial da Escola de Samba Unidos de Padre Miguel do Rio de Janeiro, não houve desistência por parte da entidade em homenagear a Irmandade da Boa Morte de Cachoeira na Bahia, no carnaval 2023. Na Sapucaí, a agremiação carioca queria desfilar com o enredo ‘Aleluia Olorum – A Corte da Boa Morte’. E a Irmandade da Boa Morte não permitiu o uso da instituição alegando que não se mistura religiosidade com festas momescas. A mais velha, Irmã Zelita foi taxativa, ao dizer que seria um desrespeito a ancestralidade. A firmeza da Irmandade apesar da insistência da Escola se resume a três palavras de Irmã Zelita: ‘Não é não’

Leia mais sobre Ópraí Wanda Chase no ibahia.com e siga o portal no Google Notícias