Música

Pop Bahia: conheça os 5 baianos preferidos da crítica, segundo a “Lista das Listas”

Levantamento liderado pelo produtor Pena Schmidt aponta que Caetano Veloso, Jadsa, BaianaSystem, Maria Bethânia e Giovani Cidreira estão entre os mais citados nas principais listas de melhores álbuns do ano de 2021

Marcelo Argôlo
25/05/2022 às 18h00

3 min de leitura

‘Listas de Melhores Álbuns do Ano’ é um formato de conteúdo bastante comum no meio do jornalismo musical. Veículos de todos os países reúnem seus críticos, repórteres e colaboradores para listar uma certa quantidade de lançamentos que se destacaram. As variáveis regionais, editoriais e os gostos pessoais são os principais requisitos no processo de escolha, mas acabam por refletir e serem reflexo do momento do mercado musical no Brasil.

Há alguns anos o produtor musical Pena Schmidt realiza o projeto “Lista das Listas”, no qual ele elenca os álbuns mais citados nessas listas espalhadas pelo Brasil. O projeto é uma pesquisa bastante exaustiva, que exige um grande levantamento de dados e aponta as preferências da crítica brasileira. O problema é que Schmidt faz apenas com ajuda de alguns colaboradores e sem nenhum tipo de investimento ou financiamento.

Caetano Veloso, Jadsa e BaianaSystem são os baianos mais citados nas listas de 2021 (Fotos: Fernando Young | Vulgo Jr. | Divulgação)

Ou seja, o resultado da pesquisa demora para sair! A de 2021, mesmo, só foi divulgada na última quinta-feira (19) pelo site Hits Perdidos. Foram 120 listas e 1.791 votos computados pelo produtor, que este ano contou com o suporte de Alice Coutinho, Elson Barbosa, Uri Dayan, Rafael Chioccarello e Rafael Lopes. Ao todo, a “Lista das Listas” levantou 455 discos.

O trabalho mais citado nas listas de “Melhores Álbuns de 2021” foi o “Delta Estácio Blues”, da cantora paulista Juçara Marçal. Cinco baianos estão entre os 45 mais citados: “Meu Coco”, de Caetano Veloso; “Olho de Vidro”, de Jadsa; “OXEAXEEXU”, de BaianaSystem; “Noturno”, de Maria Bethânia; e “Nebulosa Baby”, de Giovani Cidreira.

  • Caetano Veloso – Meu Coco

O álbum baiano com a melhor colocação na “Lista das Listas” é o de Caetano. “Meu Coco” apareceu em 39 das 120 e foi o 4º mais citado.

  • Jadsa – Olho de Vidro

Já o álbum de estreia da cantora Jadsa foi a minha surpresa no ranking. Não exatamente sua presença, mas a sua colocação. “Olho de Vidro” figurou em 34 listas e foi o 7º mais citado do Brasil e o 2º da Bahia.

  • BaianaSystem – OXEAXEEXU

O terceiro álbum baiano mais citado foi o “OXEAXEEXU”, da banda BaianaSystem. Ele foi citado em 26 listas e ficou empatado em 10º lugar no ranking nacional com o rapper paulista Rico Dalasam.

  • Maria Bethânia – Noturno

Com 10 listas a menos que a banda de Russo Passapusso, a cantora Maria Bethânia foi a quarta baiana do ranking como a 18ª mais citada na “Lista das Listas”, com 16 menções ao álbum “Noturno”.

  • Giovani Cidreira – Nebulosa Baby

Quem fecha a lista dos baianos entre os 45 nomes mais citados pela crítica brasileira nas listas de “Melhores Álbuns de 2021” é o cantor Giovani Cidreira. O artista empatou em 19º lugar com mais 4 trabalhos e colecionou 15 menções ao seu disco “Nebulosa Baby”.

Leia mais sobre Pop Bahia no ibahia.com e siga o portal no Google Notícias