Menu Lateral Buscar no iBahia Menu Lateral
iBahia > esportes
Whatsapp Whatsapp
ESPORTES

Rio 2016: Quais são as chances de medalha do Brasil?

Listamos os esportes que o Brasil pode brigar pelo ouro e aqueles que correm por fora; confira!

Redação iBahia • 05/08/2016 às 9:30 • Atualizada em 26/08/2022 às 19:56 - há XX semanas

Google News siga o iBahia no Google News!
O universo dos Jogos Olímpicos é enorme e muitos esportes e atletas passam despercebidos pelo público. Outros, por outro lado, chamam atenção ou por serem mais popularidades ou, para nós, brasileiros, ser uma chance real de medalha. Mas diante de tantas modalidades, você sabe quais são aquelas em que o Brasil tem chance ficar no pódio? Se não sabe, vai conferir agora. Se já sabe para quem torcer, confirme aqui e fique ainda mais por dentro do Rio 2016! Judô

				
					Rio 2016: Quais são as chances de medalha do Brasil?
Mayra Aguiar é um dos principais nomes do Brasil no Judô; ao todo, o país terá 14 judocas competindo / Foto: Divulgação
É nessa modalidade que está a principal esperança de medalha do Brasil para 2016. Na última Olimpíada, em 2012, foram quatro medalhas. Quatro anos depois, cinco brasileiros são as maiores apostas e estão no top 10 do ranking: Mayra Aguiar, Rafael Silva, Rafaela Silva, Felipe Kitadai e Erika Miranda. Vôlei

				
					Rio 2016: Quais são as chances de medalha do Brasil?
Para o vôlei feminino, os Estados Unidos são a maior "pedra no sapato" / Foto: Divulgação / Rio 2016
Um esporte já com tradição no país e que já é favorito em medalhas há algum tempo. No masculino, o time treinado por Bernardinho tem como maiores ameaças a Rússia e Polônia. Apesar de sempre chegar com grandes chances, a equipe não vence um torneio de ponta desde 2010. Já no feminino, os EUA são as maiores “pedras no sapato”. Os times fizeram as duas últimas finais olímpicas. Vôlei de praia

				
					Rio 2016: Quais são as chances de medalha do Brasil?
Alison e Bruno venceram o último Mundial da modalidade / Foto: Divulgação / FIBV
No Mundial da modalidade, só deu Brasil, tanto no feminino quanto no masculino – Bárbara/Agatha e Alison/Bruno venceram. Além disso, o fato de ter várias opções de duplas aumenta a chance (só duas de cada gênero poderão conseguir vaga).Atletismo

				
					Rio 2016: Quais são as chances de medalha do Brasil?
Fabiana Murer é o principal nome brasileiro no Atletismo / Foto: Divulgação
Fabiana Murer é o principal nome do atletismo brasileiro. Campeã mundial outdoor em 2011, ela era favorita a um pódio em Londres, mas problemas com o vento a fizeram ficar fora da disputa. Fabiana se recuperou dois anos depois – em 2014 – voltando a atingir a marca de 4m80. Com essa altura, ela conseguiu a prata em dois dos três Mundiais. Se repeti-lo, ela pode brigar por medalha. Futebol Masculino

				
					Rio 2016: Quais são as chances de medalha do Brasil?
Neymar é a grande estrela da Seleção Brasileira de Futebol; medalha olímpica é sonho brasileiro / Foto: Divulgação / CBF
A medalha de ouro olímpica é o único título que a Seleção Brasileira de Futebol ainda não possui. Para os Jogos, o Brasil contará com Neymar e as revelações Gabriel Jesus, Gabigol e Luan. Além disso, joga em casa e terá o apoio da torcida. Enquanto o Brasil possui o craque do Barcelona no time, seleções como a Argentina e Portugal não terão seus principais jogadores – tanto Messi quanto Cristiano Ronaldo não optaram por disputar a Olímpiada. Handebol feminino

				
					Rio 2016: Quais são as chances de medalha do Brasil?
Em 2013, o handebol feminino conseguiu o título inédito no Mundial / Foto: Divulgação
Essa é considerada a melhor geração feminina do esporte no Brasil. Por isso, espera-se que consiga ao menos um lugar no pódio. Em 2013, as jogadoras conseguiram um título inédito no Mundial de 2013. Com isso, o Brasil subiu ao patamar de principais times do mundo, se tornando favorito a uma medalha nos Jogos Olímpicos.Canoagem velocidade

				
					Rio 2016: Quais são as chances de medalha do Brasil?
Isaquias Queiroz, com 21 anos, vai disputar para o C-1 100m / Foto: Divulgação
Isaquias Queiroz é o principal nome da canoagem brasileira. Com 21 anos, ele é bicampeão mundial no C-1 500 m, prova não olímpica. No entanto, ele também já mostrou estar preparado para o C-1 100m, na qual vai disputar uma prova no Rio 2016. Isaquias, inclusive, conseguiu um bronze no Mundial da modalidade. No Pan, o brasileiro ficou com o ouro.Ginástica artística masculina

				
					Rio 2016: Quais são as chances de medalha do Brasil?
Arthur Zanetti é o atual campeão olímpico nas argolas / Foto: Divulgação / CGB
É com Arthur Zanetti que o Brasil espera ganhar mais uma medalha. Ele é o atual campeão olímpico nas argolas e levou três medalhas (uma de ouro e duas de prata) nos três últimos Mundiais. Além de Arthur, Diego Hypolito, no solo, também é uma esperança. Ano passado, no Mundial, ele conseguiu um bronze. Maratona Aquática

				
					Rio 2016: Quais são as chances de medalha do Brasil?
Ana Marcela está entre as dez mulheres do mundo / Foto: Divulgação / CDBA
Ana Marcela Cunha e Poliana Okimoto estão entre as melhores do mundo nos 10km. Ana é três vezes campeã do circuito mundial e, por isso, é uma das candidatas a medalha de ouro. Vela

				
					Rio 2016: Quais são as chances de medalha do Brasil?
O veterano Robert Scheidt recuperou-se de lesão e é esperança de medalha / Foto: Divulgação
O veterano Robert Scheidt recuperou-se de uma lesão e chegou a ser bronze na última etapa da Copa do Mundo na categoria laser. Além deles, Patrícia Freitas, na RS:X, e Fernanda Oliveira e Ana Luiza Barbachan, na 470, também podem surpreender e brigar por medalha.Natação

				
					Rio 2016: Quais são as chances de medalha do Brasil?
Thiago Pereira optou por nadar os 200 medley / Foto: Divulgação
Bruno Fratus nos 50 livres é a principal aposta. Ele foi bronze no mundial 2015 e venceu a prova no Pan Pacific de 2014. Em Londres 2012, ficou a 2 centésimos do bronze. Já Thiago Pereira optou por nadar os 200 medley, na qual terá três adversários complicados: os americanos Ryan Lotche e Michael Phelps e o húngaro Laszlo Cseh.CORREM POR FORAFutebol FemininoMarta, Cristiane e companhia já venceram a primeira partida por 3 a 0 diante da China. Elas chegaram a duas finais olímpicas seguidas, mas não possuem mais o favoritismo de antes. Nas duas últimas Copas do Mundo, a seleção parou nas quartas de final. Basquete MasculinoA chave do basquete masculino é bem complicada, já que tem a vice-campeã e campeã europeia Espanha, além da Lituânia – que chegou em cinco das últimas seis semifinais olímpicas –, a tradicional Croácia e a rival Argentina. Apesar dos grandes nomes, o Brasil precisa mostrar na prática a evolução para evitar os Estados Unidos logo na segunda fase.Boxe masculino e femininoEm Londres, a modalidade já rendeu ao país uma prata e dois bronzes e promete continuar nessa sequência em 2016. Robson Conceição está entre os melhores atletas da categoria de 60kg e Robenilson de Jesus, nos 56kg, ficou muito próximo de medalha na última Olimpíada e no último mundial.

Leia mais:

Venha para a comunidade IBahia
Venha para a comunidade IBahia

TAGS:

RELACIONADAS:

MAIS EM ESPORTES :

Ver mais em Esportes