Polêmica

Mesmo após fama, casa de Luva de Pedreiro no interior da Bahia segue sendo simples e com obras por fazer

Jovem mora com família em Quijingue

Redação iBahia
23/06/2022 às 14h39

3 min de leitura
Foto: Reprodução

Quem “vive” na internet certamente já ouviu falar do fenômeno Luva de Pedreiro. Fenômeno porque o jovem de Quijingue, no interior da Bahia, rapidamente encantou as redes sociais com seu bordão “Receba!” e atualmente tem mais de 14 milhões de seguidores no Instagram.

No entanto, a fama, as propagandas e as participações em programas da Globo, por exemplo, não fizeram com que o menino e sua família conseguissem deixar a humilde casa no interior baiano.

O colunista Léo Dias, do Metrópoles, divulgou um vídeo em que uma pessoa que não se identificou mostra a condição da casa onde Iran Ferreira, o Luva de Pedreiro, mora.

É possível ver que o local é bastante simples e tem reforças por fazer, como uma parede que não terminou de ser pintada. Além disso, falta algumas portas na residência.

Na quarta-feira (22), Léo Dias revelou que Iran não teve acesso ao dinheiro que ganhou após estourar na internet. De acordo com o colunista, ele só tinha acesso a duas contas e nelas só houve o giro de R$ 7.500 em 2022. Esses valores teriam sido informados ao colunista pelos novos empresários do influenciador.

O que diz o empresário
O empresário Allan de Jesus, que gerencia a carreira do influenciador, emitiu uma nota nas redes sociais após polêmicas envolvendo os valores recebidos pelo jovem e rumores de um rompimento de contrato.

Allan Jesus afirmou que que recebeu as notícias através da imprensa e que tem contrato com Luva de Pedreiro até 2026.

“Se alguma das partes desejar efetivamente rescindir o contrato vigente, além de respeitar a forma acordada para tanto, deverá comunicar a outra oficialmente de sua decisão”, disse o empresário.

Pausa
No domingo (19), Iran surpreendeu os seguidores ao uma pausa na produção de seus vídeos que viralizaram mundialmente e o tornou uma celebridade da internet.

Em uma live feita no Instagram, o jovem desabafou sobre as cobranças feitas a ele na web e demonstrou desgate. Alguns seguidores chegaram a afirmar que Luva estava alterado e o influenciador se defendeu das acusações.

Iran Ferreira, de 20 anos, viralizou na web no início do ano com seu bordão “receba” em vídeos compartilhados nas redes sociais.

Luva conquistou a graça de jogadores e times nacionais, como o Vasco e Neymar, e craques internacionais como Cristiano Ronaldo.

O baiano, natural de Quijingue, a 322 km de Salvador, alcançou grandes números na web, entre eles 14 milhões de seguidores no Instagram e 17 milhões no TikTok. O sucesso levou Luva a final da Champions League, no Stade de France, em Paris.

Leia mais sobre Celebridades em iBahia.com e siga o Portal no Google Notícias.