‘Parem de falar mal da rotina’, peça de Elisa Lucinda, terá sessão única em Salvador


Foto: Divulgação

O espetáculo “Parem de falar mal da rotina”, de Elisa Lucinda, terá uma apresentação única em Salvador no dia 11 de setembro. A peça comemora 20 anos de sucesso e acontecerá na sala principal do Teatro Castro Alves (TCA), às 20h.  

O espetáculo tem a duração de pouco mais de duas horas e explora a ideia de rotina através de personagens diversos, levando o espectador a mergulhar na percepção de que “rotina” é algo fictício. Os ingressos para o espetáculo podem ser comprados pelo Sympla e na bilheteria do TCA por R$40. 

Construída de forma interativa, o espetáculo busca conectar o público à reflexão que Elisa faz sobre o cotidiano. Para isso, a artista utiliza uma linguagem despojada e retira versos de seus poemas, publicados nos livros “O Semelhante” e “Eu te amo e suas estreias”, para exemplificar suas observações rotineiras da vida. 

A atriz conta que a peça nasceu das diversas lições que a natureza nos ensisa todos os dias. “A grande lição é a capacidade de estreia que faz tudo na natureza acontecer de forma espetacular, dia-ri-a-men-te. A natureza ensina a toda gente, mas, às vezes, alunos distraídos que somos, não vemos o lindo óbvio que ela nos oferece e as dicas que ela pode nos dar na condução do nosso cotidiano”, comenta Elisa. 

A peça já esteve em diferentes cidades e estados brasileiros nos últimos 20 anos de sua trajetória. Foram 10 temporadas na Bahia, 3 temporadas em Brasília, 17 temporadas no Rio de Janeiro, 4 temporadas em Porto Alegre e 6 temporadas em São Paulo.  

Com o objetivo de alertar o público para o poder de mudança e protagonismo de cada um em sua própria vida, “Parem de falar mal da rotina” promete ser uma experiência de autoconhecimento, além de divertida e dinâmica. 

Em abril deste ano a atriz lançou o 19º livro da carreira, intitulado “Quem me leva para passear”, obra que acompanha a personagem Edite em uma autobiografia ficcional, carregada de afirmação política e filosofia ubuntu.

Além da carreira como escritora, Elisa ficou conhecida por papéis em tramas como “Mulheres Apaixonadas” e “Páginas da Vida”. Atualmente segue faz parte do elenco de “O Pai da Rita”, de Joel Zito e “Papai é Pop”, de Caíto Ortiz, onde trabalhou com Lázaro Ramos.

Leia mais sobre Salvador no ibahia.com e siga o portal no Google Notícias.