Primeira mina de vanádio das Américas será instalada na Bahia


A Bahia terá a primeira mina de vanádio das Américas. Com investimentos de R$ 555 milhões, a Vanádio de Maracás S/A está em fase de implantação no interior baiano e a expectativa é de que mineradora comece a operar ainda em 2013.

Nesta quinta-feira (21), será realizado o lançamento da pedra fundamental da Vanádio de Maracás, na cidade de Maracás, localizada à 365 km de Salvador. A cerimônia contará com a presença do governador Jaques Wagner, além de lideranças federais, estaduais e municipais, representantes da empresa e da comunidade local.

No auge das obras de construção do empreendimento, a previsão é de que aproximadamente 1,5 mil empregos diretos serão gerados no município. Parte dos recursos é oriunda de acionistas do grupo canadense Largo Resources, sócio majoritário da empresa de mineração, e a outra parte do Banco Nacional de Desenvolvimento Social (BNDES).

A mina de vanádio foi descoberta pela Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM) em 1976. A companhia desenvolveu pesquisas em busca da viabilidade econômica do projeto, do qual é sócia minoritária.