Eleições 2018

Bolsonaro aguarda apuração ao lado de filhos e principais aliados

Em caso de vitória, existe a previsão que Bolsonaro viaje a Brasília na terça-feira para dar início ao processo de transição de governo

Agência O Globo
- Atualizada em

O candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL) aguarda a abertura das urnas da votação deste domingo reunido com a família e os principais aliados em sua casa em um condomínio na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio. O clima entre a cúpula da campanha é de otimismo. Pesquisas internas da campanha nesta reta final indicavam uma vitória acima de 60%.

Se eleito, Bolsonaro deverá fazer um pronunciamento com transmissão pelas emissoras da TV e redes sociais. Não há previsão que ele conceda entrevista coletiva. Também não há a informação se já há um discurso pronto em quase de vitória.

Entre os que já chegaram para esperar o resultado, estão o general Augusto Heleno e o deputado federal Onyx Lorenzoni, ambos confirmados como ministros de um eventual governo. O presidente do PSL, Gustavo Bebianno, o senador Magno Malta (PP) e o produtor rural Luiz Antonio Nabhan Garcia também aguardarão o apuração com Bolsonaro.

Já os demais aliados de Bolsonaro seguem no Hotel Windsor, localizado a cerca de 500 metros da residência do capitão da reserva. Alguns chegaram ir à casa de Bolsonaro, mas foram convidados a se retirar pela mulher do candidato, Michelle Bolsonaro, e também pela Polícia Federal.

Em caso de vitória, existe a previsão que Bolsonaro viaje a Brasília na terça-feira para dar início ao processo de transição de governo.