Menu Lateral Menu Lateral
iBahia > notícias > segurança
CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
Investigação

Suspeito de esfaquear ex-namorada na Via Regional tem prisão decretada

Polícia faz buscas pelo suspeito em Salvador. Vítima segue internada, depois de ser socorrida da Via Regional

Alan Oliveira • 03/07/2024 às 13:00 - há XX semanas

Google News siga o iBahia no Google News!

O homem suspeito de esfaquear ex-namorada na Via Regional, em Salvador, teve a prisão preventiva decretada pela Justiça. A informação foi confirmada pela Polícia Civil (PC) nesta quarta-feira (3). A vítima segue internada.


				
					Suspeito de esfaquear ex-namorada na Via Regional tem prisão decretada
Suspeito de feminicídio namorava vítima há cerca de dois meses. Mulher foi morta na madrugada desta segunda-feira (13).. Divulgação/PC Bahia

De acordo com a família de Paloma Paixão, a jovem, que tem 23 anos, saiu da ala vermelha do Hospital Eládio Lasserre, no bairro de Cajazeiras 2, mas segue internada na unidade de saúde, uma semana depois do crime. Ela não tem previsão de alta.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Leia mais:

Segundo a PC, o caso é investigado na Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) da Casa da Mulher Brasileira. Além da prisão, uma medida protetiva para a vítima também foi pedida à Justiça, porém ainda não houve uma decisão.

A corporação pede que, quem tiver informações sobre o paradeiro do homem, entre em contato com o Disque Denúncia da Secretaria da Segurança Pública (SSP), no 181. Não precisa se identificar.

Suspeito de esfaquear ex na Via Regional tinha sido denunciado

O crime aconteceu no dia 26 de junho. A vítima teria sido abordada por dois homens em uma motocicleta, enquanto caminhava, nas proximidades de casa. Um deles, que estava pilotando o veículo, seria o ex-namorado de Paloma, identificado como Danilo Sampaio, de 29 anos.


				
					Suspeito de esfaquear ex-namorada na Via Regional tem prisão decretada
Mulher procurou unidade de saúde com fortes dores na lombar. Foto: Divulgação

Familiares da jovem detalharam que ela ainda tentou correr depois de reconhecer o suspeito, mas foi alcançada por um segundo homem, que estava de carona da motocicleta. A jovem foi esfaqueada 6 vezes, no pescoço, cabeça, costas e peito. Após o crime, a dupla fugiu.

Conforme pontuou a família da vítima, o homem já tinha sido denunciado 4 vezes por Paloma, após o fim do relacionamento de 2 anos com o suspeito. "Ela teve um relacionamento abusivo com ele, se separou e tentou se livrar dele. Ele continua até hoje, há mais de um ano agredindo e perseguindo", contou um familiar da vítima, que preferiu não revelar a identidade.

Um dos ataques aconteceu em 2023. Na ocasião, a mulher foi agredida com chutes e socos, e chegou a ser mantida em cárcere privado por 24h. O crime aconteceu 2 semanas depois do fim do relacionamento. O homem aproveitou a ida da vítima à casa da mãe dele para pegar pertences e a atacou. Ele chegou a ameaçar estuprar a jovem com um comparsa.

Um outro boletim de ocorrência foi registrado meses depois, quando a vítima acusou o ex-companheiro de simular um assalto para ter acesso a conteúdos íntimos guardados no celular dela. A família dela acusa o homem de ter criado um grupo em um aplicativo de mensagens e ter divulgados os conteúdos íntimos da vítima para outras pessoas.

"Expôs fotos dela na internet, vídeos, palavrões que vocês conhecem. E sempre ameaçando", contou o familiar da vítima.

Venha para a comunidade IBahia
Venha para a comunidade IBahia

TAGS:

RELACIONADAS:

MAIS EM SEGURANÇA :

Ver mais em Segurança