Salvador Fest 2022: veja tudo que rolou no palco Pagotrap


Foto: Isla Carvalho / iBahia

O tão esperado momento chegou por volta das 12h, quando os portões do Salvador Fest 2022 foram abertos para comemorar os 15 anos de história e o primeiro artista subiu no palco Pagotrap. A emoção e a expectativa para o evento foi enorme neste domingo (18) e claro, que o iBahia acompanhou de perto todos os detalhes dessa festa.

O cantor Diggo deu início a sua apresentação com muito estilo e com uma equipe de dançarinos de peso, incluindo Lucas Souza – coreógrafo da cantora Ivete Sangalo e responsável pelas coreografias da artista durante o Rock in Rio. Para o iBahia, o cantor Diggo falou sobre a importância de ser o único representante do ritmo pagotrap neste evento e de ter sido escolhido para abrir a festa.

“Na verdade, a luta é nossa. Ainda bem que os empresários e a galera está dando visibilidade a gente para mostrar o que a gente tem de melhor….eu sou o único representante do pagotrap no palco do Salvador Fest 2022. E vale destacar que o ritmo não só a mistura do pagode com o trap. Mas, a mistura do pagode com todas as influências, com eletrônico, R&B e muito mais. “

Foto: Isla Carvalho / iBahia

A Dama foi a segunda atração do palco Pagotrap. Ao lado de Aila Menezes e Dai, que se apresentaram como convidadas, a artista colocou o público para dançar ao som do tradicional pagodão. Além disso, Alanna Sarah fez questão de trazer a representatividade feminina como gancho principal de toda a apresentação.

Ela foi a primeira cantora de pagode a subir no palco do evento em 15 anos. Sobre a conquista, ela disse: “O pagode é extremamente machista e não foi fácil não, viu? Foi uma coisa muito difícil, porque ser mulher no pagode é uma luta diária, então é uma coisa que não vai ser assim da noite pro dia, a dama chegou aqui no Salvador Fest e amanhã as coisas vão mudar. Não! A gente tem que continuar lutando pra ocupar esse espaço que é nosso por direito, não só meu, mas de todas as mulheres que querem chegar nisso aqui, que querem tá no pagodão, não só no pagodão também, mas em qualquer área de trabalho”, pontuou.

Foto: UeL Silva / Bahia FM

O cantor 7Kssio chegou no Parque de Exposições trazendo toda a potência, que já é considerada identidade da banda. A swingueira começou com ‘Vou machucar’, sucesso do grupo. Em entrevista ao iBahia, Cássio falou sobre a pressão do público por novas canções, até mesmo por conta da chegada do Carnaval 2023.

Com ‘Senta na 9’, ele foi o ganhador da melhor música do Carnaval 2022 através do iBahia. “Existe sim uma expectativa, né? De pelo menos a gente trazer algo que supere. Mas internamente eu tô muito tranquilo, pra mim conquistar um título como esse (troféu iBahia) é uma vitória musical no meio da arte. Pra mim é super importante e eu quero que outros também conquistem. Então, a gente faz o trabalho, não esperando um retorno, mas faz com a intenção também de que isso tenha uma boa repercussão, de que a música ganhe uma proporção e quem sabe, né, chegue também próximo a ‘Sentar na 9 que foi um divisor de águas na minha e o Brasil todo canta”, descreveu.

Foto: Victoria Dowling / iBahia

A quarta atração deste domingo (18), foi a banda La Fúria. O cantor Bruno Magnata não economizou na abertura da apresentação e já trouxe alguns dos principais sucessos do grupo, animado para divulgar o novo audiovisual ‘La Fúria sem Limites’. Ao iBahia, o cantor revelou que o primeiro clipe chegará já na próxima semana.

Queremos trabalhar os nossos hits, então as músicas que viralizaram serão as primeiras a serem lançadas. ‘Mete seu Cachorro’ e ‘Senta Pro Coroa’, mas tem também umas surpresinhas”, diz o artista fazendo mistério.

Foto: Victoria Dowling / iBahia

A banda O Kanalha deu início a sua apresentação com um dos hits mais esperados do dia. Usando um cocar, o vocalista cantou ‘Tô colocando’ e brincou com o público ao dizer que tinha cantado a abertura do show errada. Sem descanso, o artista deu start e cantou o segundo sucesso, a canção ‘Bandida’.

Neste domingo (18), Danrley estava não só fazendo um show. Ele comemorava o próprio aniversário e ao final da apresentação supreendeu o público, levando a avó e a mãe para o palco.

Foto: Victoria Dowling / iBahia

O show de Igor Kannário foi um dos destaque do dia de apresentações no palco Pagotrap. Isso porque o cantor realizou a gravação do DVD de comemoração dos 20 anos de carreira. Por conta disso, a transmissão da Bahia FM foi interrompida durante 1h, já não foi autorizada pelo artista.

Apesar disso, conseguimos registros especiais! Vestido com uma roupa grafitada, Igor animou o público do Parque de Exposições com inúmeros sucessos e que prometem trazer boas memórios no DVD para os fãs do artista.

Foto: Victoria Dowling / iBahia

Maneirinho foi o primeiro artista que trouxe o trap e o funk carioca para o palco Pagotrap na noite de domingo (18). O cantor falou sobre o preconceito que os ritmos que nascem na favela sofrem na sociedade.

“O pagodão, o funk, hip hop, eles sofrem preconceito porque vieram da favela, entendeu? Em Salvador, qualquer lugar do Brasil, ou que vier da favela, vai ser visto com esses olhos. Então, tá aqui num evento desse, com a quantidade de pessoas que tá pagando ingresso pra ver artistas de vários gêneros, a maioria que veio do gueto, é a melhor resposta que a gente pode dar. E é pedir papai do céu pra proteger nós, chegar ali, quebrar tudo, esquece.”

Foto: Bianca Andrade / iBahia

Com muita animação, dança e jatos de fumaça, Oh Polêmico deu início a sua apresentação no palco Pagotrap, minutos depois de cantar no palco principal com o cantor Léo Santana. O cantor levantou a galera com um dos hits mais tocados nos paredões chamado ‘Soca, Soca’, mas o público se animou ainda mais com a canção ‘Samba do Poly’. A presença do coreano e dos dançarinos, todos vestidos de branco, foi um momentos mais marcantes do evento.

Foto: Victoria Dowling / iBahia

A banda O Poeta colocou o público do palco Pagotrap para requebrar ao show da swingueira raiz do pagodão. O ‘outro sabor’ vêm conquistando o público de toda o Estado e aproveitou, além dos sucessos do grupo, para homenagear nomes do funk como a canção ‘Ai, Preto’.

Nos bastidores, o vocalista falou conosco sobre o evento e também revelou como foi seu processo de transição musical da igreja para o pagode. Vale a pena conferir.

Foto: UeL Silva / Bahia FM

Chamas, fumaça e um clipe com trajetória da própria carreira. Foi assim que Filipe Ret iniciou o show em Salvador. O artista carioca, que era uma das atrações mais esperadas da noite, trouxe sucessos do novo álbum chamado ‘Lume’. Ao final da sua apresentou, ele conversou com o iBahia, contou o nome de qual artista baiano deseja fazer um feat e pra fechar deu uma ‘passadinha’ no show do Xamã para dar uma canja.

Foto: UeL Silva / Bahia FM

Já falando em Xamã, ele foi o penúltimo músico da noite a se apresentar no Parque de Exposições. O artista foi recebido pelo público baiano com muita expectativa e por isso, já começou cantando o hit ‘Deixa de Onda’, parceria dele com Ludmila e Dennis DJ.

O artista carioca abriu, de fato, o show movimentando bastante público. Não foi a toa que trouxe a participação de outros cantores. Além de Ret, Xamã convidou Felipe Pezzoni, da Banda Eva, que fez questão de lembrar músicas tradicionais da folia momesca.

Vale ainda pontuar que o artista não concedeu entrevista coletiva para a imprensa. E a assessoria do cantor informou, em nota, que em ele não se pronunciaria sobre vida pessoal e relacionamentos.

Foto: Reprodução / Bahia FM

A última atração do palco Pagotrap foi MC Hariel. O paulistano fez uma homenagem a Bahia com o som do berimbau e agradeceu ao público pela receptividade. Além disso, o jovem cantou músicas do MC Kevin, artista que morreu em maio de 2021 em um acidente durante uma festa.

“Com muita fé, eu vou cantar essa música e ela vai chegar lá no céu, pra lembrar do parceiro que merece homenagens eternamente, MC Kevin”, disse ele. Assim como Xamã, o artista preferiu não falar com a imprensa.

Foto: Reprodução / Bahia FM

Transmissão

Neste ano, a transmissão do Salvador Fest 2022 foi disponibilizada de duas formas. A primeira foi exclusiva com shows do palco Pagotrap através do canal do Youtube da Bahia FM. No line-up, os artistas Xamã, Hariel, La Fúria, 7kssio, A Dama, Kannalha, Kannário, Filipe Ret e Maneirinho.

A apresentação do programa foi comandada pelo apresentador do Atitude, Pedro Martins; que trouxe muitas curiosidades e entrevistas especiais com os cantores. A segunda opção você já sabe! Foi direto na frequências 88.7 e revelou os shows completos dos artistas que se apresentaram no palco principal.

A transmissão contou ainda com o iBahia e as redes sociais deixando a cobertura ainda completa pra você. Não conseguiu acompanhar tudo ? Então confira todas as apresentações do palco Pagotrap no link abaixo:

Leia mais sobre Entretenimento em iBahia.com e siga o portal no Google Notícias