Dia dos Namorados: Saiba como apimentar a relação com produtos eróticos


Foto: Divulgação

Neste domingo (12) é celebrado o Dia dos Namorados. A data leva diversos casais a comemorarem de um jeito mais do que especial e até mesmo inovar sob quatro paredes. A fim de ajudar os casais, a sex coach Jéssica Ribeiro dá dicas de como tirar o relacionamento da rotina com produtos eróticos.

As opções no mercado de sex toys são inúmeras: existem algemas, óleos retardantes de ejaculação, velas beijáveis, chicotes, bolinhas tailandesas, e todas elas são boas pedidas para tirar o sexo a dois da mesmice.

“É super importante os casais usarem [os produtos] pois a maioria deles acaba caindo na rotina e se o casal não buscar formas de mudar, de estar saindo da rotina, isso acaba desgastando a relação e muitas vezes isso pode até levar ao fim nada agradável. Claro que sexo não é tudo no relacionamento, mas é uma boa parte.”, diz a sex coach Jéssica Ribeiro.

Ela ainda destaca que explorar os comodos da casa é mais do que importante para a relação de um casal. “Eu indico sempre ao casal que transem em lugares diferentes. A pessoa não precisa nem sair de casa. Se você faz sempre no quarto, basta fazer sexo na sala, na cozinha, faz em pé no banheiro. E se possível é bacana pagar um motel legal, um fim de semana em um hotel, faz uma viagem. Até uma música diferente que você coloque traz toda uma atmosfera. E isso precisa partir dos dois.”, pontua.

O Dia dos Namorados é uma época em que os casais utilizam para permitir novos momentos de prazer sem julgamentos. Para a sex coach, um bom óleo de massagem cria toda uma atmosfera diferenciada para aumentar o ‘climax’ na hora H.

“O óleo serve para aumentar a conexão do casal, aumenta o clima, existe uma vela que quando ela derrete se transforma em um óleo maravilhoso, existe ela beijável também que é indicada para o sexo oral. Isso cria todo um ambiente bacana. O gel beijável também traz sensações diferentes como esquentar, de esfriar, de vibrar, ele é muito legal. Você utilizar tanto no beijo quanto no sexo oral.”, diz.

Existem também infinitas possibilidades como dados que traz posições básicas e ações interessantes assim como o baralho de kama sutra.

“Isso é legal pois faz as pessoas descobrirem novas posições e pontos diferentes de prazer.”, explica a Jéssica Ribeiro.

Jogo das posições – “Muitos casais não conversam sobre sexo, tem anos de relação e fica ali naquela mesmice, mas nunca perguntou para a parceira se gosta, não gosta… O jogo das intenções é legal por que os casais conversam sobre sexo de forma lúdica através do corpo. Ele questiona onde a pessoa gosta de ser tocado, tem partes preliminares e claro, o jogo termina em sexo.”

Vibrador é essencial – “O casal precisa ter um vibrador e não digo daquele em formato de pênis, digo sobre aqueles tecnológicos, com formatos inovadores, tipo aqueles que dá para controlar por aplicativos [até mesmo de outro país]. O vibrador dá uma estimulada diferente, uma apimentada… Os produtos eróticos chega para somar não para concorrer com os homens como muitos pensam. O vibrador nunca vai substituir um toque, um carinho […] então uma coisa não substitui a outra, só acrescenta.”

Eggs toys – “O ovo também traz uma sensação, ele simula como se fosse um sexo oral, por ter uma textura que se assemelha a mucosa. Na hora da masturbação o homem tem essa sensação de que está penetrando, recebendo um oral, é muito prazeroso. Pode ser utilizado na mulher também quando virado de avesso.”

Bolas tailandesas – “As bolinhas tailandesas também são top 3 de vendas. Elas podem ser introduzidas no canal vaginal na hora das preliminares e o homem vai penetrando com elas dentro. Para o homem traz a sensação de que a vagina é ainda mais apertadinha e para a mulher é de que o pênis é mais volumoso. No momento do climax a mulher vai na lua por seis vezes: uma com o orgasmo e as outras com cada bolinha sendo retirada do canal vaginal. É maravilhoso.”

Leia mais sobre o Dia dos Namorados no iBahia.com e siga o portal no Google Notícias.