Menu Lateral Buscar no iBahia Menu Lateral
iBahia > notícias > segurança
Whatsapp Whatsapp
Caso é investigado

Polícia descarta relação entre estupros ocorridos durante Carnaval

Nos dois primeiros casos, os crimes aconteceram dentro do circuito Dodô. O terceiro aconteceu no Centro Histórico

Iamany Santos • 15/02/2024 às 13:24 • Atualizada em 15/02/2024 às 15:25 - há XX semanas

Google News siga o iBahia no Google News!

A Polícia Civil (PC) da Bahia divulgou nesta quinta-feira (15) que não há relação entre os três estupros ocorridos durante o Carnaval de Salvador deste ano.


				
					Polícia descarta relação entre estupros ocorridos durante Carnaval
As informações foram confiramdas pela delegada Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) da Casa da Mulher Brasileira, Bianaca Andrade, em entrevista à TV Bahia. Foto: Reprodução/TV Bahia

Em entrevista à TV Bahia, a delegada Bianca Andrade, que é titular da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) da Casa da Mulher Brasileira, deu detalhes dos crimes.

Leia mais:

"Até o momento, decorrente de toda a investigação que fizemos, são crimes independentes. Não tem nenhuma relação entre eles".

Segundo a delegada, nos dois primeiros casos, os crimes aconteceram dentro do circuito Dodô (Barra-Ondina). Já o terceiro teve a situação iniciada na região, mas o estupro ocorreu no Centro Histórico.

Câmeras de segurança da região registraram o percurso feito pela vítima e as imagens estão sendo utilizadas na investigação do caso.

A delegada informou ainda que mais detalhes sobre a investigação não podem ser revelados, mas pontuou que as duas primeiras vítimas são de Salvador e a terceira é uma turista. Imagens dos três casos de estupro já foram localizadas.

"Em relação à primeira situação, tem uma câmera de segurança virada para o local do fato. Já foi solicitada. Estamos aguardando essas imagens".

O primeiro caso de estupro aconteceu na sexta-feira (9). Informações iniciais apontam que a vítima tinha ido ao banheiro, quando foi atacada.

A segunda denúncia foi registrada no domingo (11). Não há detalhes sobre como o crime aconteceu. O caso mais recente ocorreu na madrugada de quarta-feira (14).

As três vítimas estão sendo acompanhadas pela PC. "Desde o primeiro caso, a Polícia Civil (PC) está atenta, está investigando, forneceu todo o acolhimento a essas vítimas".

Ainda conforme detalhou a delegada, além dos 3 estupros, ocorreram 5 importunações sexuais durante a festa.

Venha para a comunidade IBahia
Venha para a comunidade IBahia

TAGS:

RELACIONADAS:

MAIS EM SEGURANÇA :

Ver mais em Segurança